extremo

28 de março de 2020

Situação extrema e o comportamento disruptivo exponencial!

O bairro vive um silêncio não habitual. As pessoas estão em suas casas vendo notícias ou senão séries e mais séries. Alguns estão mais relaxados e outros completamente tensos. Alguns distinguem a situação como oportunidade outros como um castigo. Os extremos estão presentes nessa situação de quarentena de uma cidade, de um estado e de um país para não dizer do planeta. De um lado, aparecem comportamentos questionáveis com relação a conduta ética e humana. Um amigo me relata que viu os vizinhos se estapearem no corredor do edifício porque um deles espirrou sem proteger o gesto. Do outro lado, […]
Associe-se